pt

Encontro do CRAM 2017

CRAM - Terça, 21/11/2017 - 05:19

Por João Roberto S. Gândara Ferreira, PY2JF.

SÉTIMO ENCONTRO DOS RADIOAMADORES EM AMERICANA – 2017

O CRAM – Clube dos Radioamadores de Americana – informa que no dia 10/12/2017 (domingo) promoverá seu sétimo encontro de Radioamadores. Neste ano será realizado na sede da APAE, um local é de fácil acesso, tem enorme capacidade para estacionamento e a APAE manterá uma lanchonete aberta no local.

O evento terá início às 8h, com duração prevista para o dia todo. Este ano haverá uma grande novidade: além de termos exposição de equipamentos antigos, montagens caseiras, “feirinha” para troca de equipamentos, acessórios, componentes e sucatas, também teremos um leilão de equipamentos. Acervos de três colegas falecidos recentemente serão oferecidos numa ação entre amigos, no formato de um leilão, onde todos terão iguais condições de disputar os itens oferecidos. Assim favoreceremos as famílias dos colegas que partiram, dando uma correta e justa destinação aos seus equipamentos.

Itens que vão a leilão: Lista disponível em 22/11/17 (pdf)

Regras de como será conduzido o leilão: Regras Leilão CRAM-2107 (pdf)

Neste encontro estarão presentes colegas que atuam em diversas modalidades: AM, QRP, QRO, VHF-DX, SDR, D-STAR, SSB, DX, EME, modos digitais e principalmente o pessoal da “confraria do ferro de solda”, que monta seus próprios equipamentos. Se você quiser, poderá trazer suas montagens caseiras e seus equipamentos antigos para expor, pois teremos um forte esquema de segurança no local.

Doações de livros, revistas, componentes e sucatas serão bem vindas! Portanto, se você tem excedentes desses materiais que poderão um dia ir para o lixo, terá uma nobre oportunidade de doá-los aos colegas novatos ou interessados.

Ao contrário de nossos eventos anteriores, onde solicitávamos a doação de latas de leite em pó, este ano solicitamos a doação de folhas de papel sulfite (resmas ou pequenos pacotes), pois é um material de grande consumo para a APAE, e dessa forma, poderemos ajudar a instituição que gentilmente nos cedeu este espaço. Ressaltamos, no entanto, que esta é uma contribuição voluntária, não sendo obrigatória para a entrada no evento. Cada doador receberá um adesivo com a inscrição doado por um Radioamador, no qual poderá anotar seu indicativo e colar em seu pacote.

Os colegas interessados em expor para venda ou troca equipamentos, acessórios ou antenas poderão utilizar o estacionamento interno do recinto, mediante uma simbólica contribuição à APAE. Nesse sentido, será permitido todo tipo de equipamentos e acessórios relacionados ao radioamadorismo e à faixa do cidadão, desde que não sejam novos (exceto se tiverem nota fiscal!), “abertos” para frequências não autorizadas ou não homologados, pois teremos fiscais da Anatel presentes no evento e não queremos que ninguém passe por constrangimentos desnecessários. Também será necessário preencher uma declaração de responsabilidade de procedência dos equipamentos, que será fornecida pelo CRAM logo no início da exposição (maiores esclarecimentos diretamente com Adinei PY2ADN pelo e-mail py2adn@yahoo.com.br ). Antenas, acessórios, montagens caseiras e componentes usados ou antigos estão dispensados dessa burocracia.

A Radiohaus mais uma vez prestigiará nosso evento, montando um stand para disponibilizar seus produtos e equipamentos, além de divulgando novidades para o nosso segmento.

A Labre-SP e o GDE estarão presentes, expondo em vídeos e mini palestras as conquistas que tem garantido ao radioamadorismo e mostrando o que a atual gestão está fazendo por nós, principalmente em defesa do espectro. Vale a pena ver que nossa entidade representativa está novamente atuante, lutando bravamente por todos nós.

Seguindo nossa tradição, teremos a popular “Caça a Raposa” (Radio Direction Finder), onde colegas terão a oportunidade de “caçar” um transmissor de VHF que será ocultado aqui na cidade, com direito a prêmios às equipes que primeiro o localizarem. Portanto, preparem suas antenas! Para que todos os colegas que queiram participar do leilão também possam participar, faremos essa brincadeira pontualmente às 15h00, possibilitando assim que todos nossos convidados tenham a oportunidade de participar ou assistir a gincana.

A estação oficial do CRAM (PY2CAI) estará em apoio nas seguintes frequências:

146.770MHz (74.4Hz) – Repetidora PY2KJZ
146.520MHz (74.4Hz) – Simplex
223.940MHz (74.4Hz) – Repetidora PY2KRL
439.375MHz (74.4Hz) – Repetidora PY2KMJ

Também teremos atividades em 40m AM (7.220MHz), SSB (7.150MHz) e CW (7.030MHz).

Como chegar:

APAE – Rua Cristóvão Colombo, 288, no Parque Residencial Nardini (Res. Horto Florestal), Americana. Localizado ao lado da Escola Senai e do Fórum de Americana, quase defronte ao Parque Ecológico.

Clique para ampliar

Será uma grande festa!

Compareçam! Divulguem! Participem!

Um forte abraço a todos!

Adinei, PY2ADN

Categorias: pt

Publicação online QSO, nº.1

TRGM - Segunda, 23/10/2017 - 20:09
A nossa congénere ARRLx lançou, hoje, o primeiro número da sua revista online "QSO".
Com diversos conteúdos muito interessantes, para os radioamadores em geral, é de difusão bimestral e gratuita.
À ARRLx e aos colegas envolvidos, apresentamos os nossos parabéns e os votos de sucesso.

A revista poderá ser lida/descarregada aqui.

Categorias: pt

Novo radioamador José - CR7ARO

TRGM - Sexta, 29/09/2017 - 20:46
Temos o prazer de anunciar que, a partir de hoje, contamos com mais um novo radioamador: CR7ARO.



O José, filho do nosso colega Filipe Relvão - CS7ALM 
e por ele preparado prestou provas, hoje, na Anacom no Porto, 
tendo garantido a aprovação.


Parabéns ao Zé e benvindo às ondas eletromagnéticas!
Categorias: pt

Novo radioamador categoria 1, CT7ARM

TRGM - Sexta, 22/09/2017 - 17:46
A Tertúlia tem o gosto de anunciar que a comunidade radioamadorística conta, a partir de hoje, com um novo membro, o colega Marques da Silva - CT7ARM, residente em Coimbra e a TRGM com um novo associado.

O novo colega, que já não é um novato nas coisas da rádio, nos últimos tempos empenhou-se esforçadamente no estudo da técnica e da legislação portuguesa e espanhola, tendo prestado provas, de conhecimentos de legislação e de técnica, perante um júri do país vizinho, no passado sábado em Ávila, Espanha, tendo sido classificado como APTO à primeira.
Desejamos ao novo colega as maiores felicidades e que o seu contributo ajude a dinamizar e dignificar este hobby.
Categorias: pt

<div class="MsoNormal" style=

TRGM - Quinta, 21/09/2017 - 19:02
Entrevista com YO9RIJ, novo presidente da EURAO

Petrica Stolnicu, YO9RIJ , 43, é o novo presidente da EURAO , eleito na última Assembleia Geral para o período 2017-2019. YO9RIJ já foi vice-presidente da EURAO desde 2015 e vice-presidente fundador da ARR .Nesta recente entrevista realizada pela jornalista Simona Ungureanu, YO9-0158, pode descobrir mais sobre ele, sua carreira como radioamador, seus interesses e objetivos.Em primeiro lugar, deixe-me felicitá-lo pela sua nomeação como presidente da EURAO.Muito obrigado. É uma grande honra e responsabilidade para mim representar radioamadores de toda a Europa e além.Com certeza, muitos radioamadores estão perguntando quem é YO9RIJ e como ele surgiu?Sobre o indicativo atual YO9RIJ, posso dizer que o fascínio pelas construções eletrônicas e de rádio surgiu no ensino médio, onde um professor de engenharia eletrotécnica, um assunto que ensinavam na escola na época, teve a coragem de organizar uma atividade de eletrônica extra-curricular para crianças nos anos comunistas.Foi quando a chama de rádio foi acendida na minha alma. As coisas evoluíram ao longo do tempo, como é natural e conheci e experimentei coisas novas. Gostei de cada coisa nova que descobri. Eu tinha ouvido falar do código Morse que me fascinou instantaneamente e, no final do curso de eletrónica, comecei a construir o meu primeiro transmissor de código Morse com recortes de aglomerados à base de madeira, uma bateria, uma lâmpada e um interruptor usado como um oscilador e manipulador. Foi a faísca que abriu o caminho para o indicativo de rádio amador YO9RIJ.Como as coisas evoluíram desde o primeiro contato com o radioamadorismo?Entrei em contato com o radioamadorismo na era comunista no início do ensino médio e descobri o hobby como porta de entrada para a liberdade. O sentimento ainda persiste mesmo que, agora, vivamos em tempos diferentes.A certificação HAREC é muito mais fácil em comparação com o tempo em que o recebi. Talvez a falta de liberdades políticas naqueles anos tenha tornado a beleza do hobby de radioamador mais excitante. É claro, é a opinião de um OM que viveu durante um regime totalitário e que agora fala de uma democracia adiantada.Como você conseguiu de YO para EURAO?O radioamadorismo sempre foi um hobby, mas na Roménia ainda é um tema tabu. A maioria dos radioamadores sabe que o rádio é um hobby, mas os representantes consideram um desporto. Uma ideia comunista que é uma presença tóxica em nossos dias. O radioamadorismo ocorre sob o guarda-chuva de um ministério do desporto e isso me intrigou porque vi como a gestão de tal instituição suprime o espírito livre de conhecimento que o radioamadorismo promove. Alguns anos atrás, juntamente com outros radioamadores que compartilham o meu ponto de vista, criei a Romanian Radio Club Association - Asociatia Radioclubul Romaniei, ARR - como uma escolha alternativa. Implicitamente veio o relacionamento com a EURAO. ARR e EURAO existem em princípios semelhantes e compartilham os mesmos valores. Era normal fazer uma simbiose e o caminho para a EURAO. A hierarquia era um fato natural que veio por si só. Descobri uma EURAO que precisa de se tornar mais forte a cada dia que passa e ainda retém os valores fundamentais do radioamadorismo e que integra perfeitamente as necessidades dos radioamadores em todo o mundo.Isso pode ser uma coisa que pode dar a muitos leitores uma dor de cabeça, mas asseguro-lhe que a EURAO está muito mais próximo das necessidades individuais do radioamador em todos os lugares. A prova são as ações e as medidas tomadas para melhorar o ambiente legal em que os radioamadores europeus estão e não apenas onde praticam o seu hobby. Deste aspeto, gostaria de falar noutra ocasião, porque há muito que falar sobre esse assunto.Quais são seus objetivos para este mandato?Certamente, o mandato que comecei está cheio de grandes desafios. Um dos objetivos é fortalecer o relacionamento entre os membros da EURAO e aqueles que são novos membros da associação para que possamos alcançar o maior número possível de atividades conjuntas.Um objetivo particular é a realização de uma colaboração horizontal e vertical com sociedades similares no mundo. Nesse sentido, várias etapas já foram tomadas. Certamente, os radioamadores descobrirão uma EURAO muito mais ativa e bem definida nas ações empreendidas no âmbito deste mandato.A EURAO continuará a ser uma entidade independente que defende os interesses dos radioamadores na Europa e no mundo, independentemente das ações de outras sociedades.Desejo que, no final deste mandato, completemos um programa de comunicação de emergência simplificado, integrado e eficiente. Dar forma ao papel e localização dos radioamadores nesta equação é um dos objetivos importantes.A EURAO vem com um conceito pragmático no qual os recursos podem ser integrados com o objetivo de apoiar as comunidades nas quais as nossas antenas se desdobram.O aspecto legislativo da atividade dos radioamadores é outro objetivo. Iniciativas sobre os direitos da antena e as recomendações da UE, tomam forma e tornam-se realidade para que o radioamador disfrute de legislação melhorada que os proteja e lhes permite aproveitar esse hobby sem restrições.As atividades visíveis sobre a existência de radioamadores à escala global e uma integração conceitual de radioamadores na relação com os cidadãos é um aspecto com o qual trabalho intensamente. A adaptação dos objectivos da EURAO aos requisitos e à evolução da sociedade é uma prioridade para mim e certamente com o apoio dos membros da EURAO, alcançaremos grandes coisas.Por último, mas não menos importante, a ênfase é colocada no interesse dos jovens pelo radioamadorismo. Serão observados esforços ao longo dos anos e o objetivo é de extrema prioridade.
Estou confiante de que o espírito de radioamador consiga soluções para derrubar barreiras e alcançar esses objetivos.in www.eurao.org
Categorias: pt

CT1TD SK

TRGM - Quarta, 20/09/2017 - 15:25
A Tertúlia cumpre o doloroso dever de comunicar que o nosso colega José V Roma Maurício-CT1TD fez SK.
À Família e Amigos a Tertúlia manifesta sentidos pêsames.

Categorias: pt

WIFI4EU: Wifi gratuito para todos na EUROPA

TRGM - Terça, 12/09/2017 - 21:02

Para que toda a gente possa beneficiar da conectividade, deve ser irrelevante onde reside ou quanto aufere como salário. Por essa razão, decidimos propor hoje que, até 2020, os principais centros da vida pública de todas as povoações e cidades da UE sejam dotadas de acesso gratuito à internet sem fios.
Jean-Claude JUNCKER - Discurso sobre o estado da União, setembro de 2016




Com a iniciativa WiFi4EU, a Comissão Europeia pretende promover a conectividade sem fios (Wi-Fi) gratuita nos espaços públicos, por exemplo, nos parques, praças, edifícios públicos, bibliotecas, centros de saúde ou museus, em todo o território europeu.
A iniciativa WiFi4EU dispõe de um orçamento de 120 milhões de euros para o período de 2017 a 2019, destinados a apoiar a instalação de equipamento Wi-Fi de ponta nos centros da vida pública.
A implantação da iniciativa WiFi4EU será feita de forma geograficamente equilibrada, de modo a que as ligações de débito elevado possam beneficiar tanto os residentes como os visitantes, em milhares de comunidades locais em toda a UE, pelo menos, 6000 a 8000 comunidades locais até 2020.
Categorias: pt

Áreas geográficas de restrição a emissões de amador

TRGM - Terça, 12/09/2017 - 20:28

Operação de estações de amador perto de infraestruturas de monitorização do espectro
A ANACOM disponibiliza, a partir de 13 de setembro de 2017, procedimentos adicionais para a operação de estações de amador, nomeadamente no âmbito das atividades SOTA  (Summits on the Air).Assim, no sentido de conciliar a utilização das referidas estações com o bom funcionamento das estações de monitorização e controlo do espectro (MCE) desta Autoridade, informa-se que, sem prejuízo das condicionantes estabelecidas na regulamentação aplicável, não devem ser utilizadas estações de amador fixas, móveis ou portáteis no interior de uma circunferência com um raio de 500 metros a partir de cada um dos centros ou das estações remotas de monitorização (consulte as  áreas geográficas de restrição1).Excecionalmente, pode ser autorizada a utilização de estações de amador nas  áreas geográficas de restrição1, através do envio de solicitação por email, para um dos Centros de Monitorização e Controlo do Espectro (CMCE) , com uma antecedência mínima de 5 dias, acompanhada dos seguintes elementos:a) localização da utilização (ficheiro kml/kmz);b) objetivo da utilização;c) data/hora de início da utilização;d) data/hora de fim da utilização;e) frequências que irão ser utilizadas;f) potências aparentes radiadas máximas utilizadas em cada uma das frequências;g) responsável pela utilização;h) contactos (telefone e email) do responsável pela utilização.A utilização de estações de amador no interior das  áreas geográficas de restrição1 só pode ter início após autorização expressa da ANACOM.Notas
Ficheiro em formato kmz; para o abrir use o Google Earth no browser Chrome e importe o ficheiro previamente gravado no desktop.
Publicado em 12.09.2017Autor: ANACOM
Categorias: pt

Efeito Mögel-Dellinger, explicado a um “amador”

TRGM - Sexta, 08/09/2017 - 14:22
Especialmente durante um pico solar máximo que ocorre, mais ou menos, a cada 11 anos, massas coronárias maciças ocorrem no Sol. Isso significa que há explosões regulares ( flares ) e são emitidos enormes quantidades de radiação (raios X) e gás ionizado. Quando a ejeção de massa ocorre na zona virada para a Terra, este gás é jogado em direção ao chão. Chama-se, usualmente, a este fenómeno  “tempestade solar”.Como resultado, devido ao aumento da densidade do plasma, a camada D da ionosfera (70 km acima da superfície da Terra) virada para o Sol, é mais fortemente ionizada o que, por sua vez, leva a uma maior e mais forte atenuação das ondas de rádio. 
Condições de propagação numa ionosfera normal  ( azul): 
O aumento da densidade de electrões leva a um aumento de amortecimento na camada D (laranja)  provocando a perda total de sinal ou inadequada refracção na camada E.



 Este efeito chega a atingir uma falha total das comunicações a longa distância, em onda curta, sendo as bandas mais baixas as mais afetadas e tem o nome de Perturbação ionosférica repentina (SID).A duração da falha pode variar de alguns minutos a várias horas. As comunicações de rádio na Terra não são afetadas, dado que os raios-X que emanam do sol são sombreados pela Terra. No idioma Inglês é chamado de Fadeout de ondas curtas (SWF).
Este fenômeno foi descrito pelo alemão Hans Mögel em 1930 e apresentado em 1935, ao National Bureau of Standards, pelo americano Dr. John Howard Dellinger, daí ter o nome de Efeito Mögel-Dellinger.José Machado - CT1BAT
Categorias: pt

Quinta, 01/01/1970 - 01:00
Conteúdo sindicado